Hoje faltam-me as palavras. Não consigo descrever um ano de puro sentimento entre nós. Não se consegue demonstrar por meras palavras tudo o que vivemos. Sei que somos felizes e, meu amor, para mim isso chega. Eu amo-te, sem dúvida alguma! 24.05.2010 - 24.05.2011